Como diz o sábio Chapolin Colorado: - sigam-me os bons!

Para leitura completa dos versículos disponíveis nas postagens do Blog, todos os links são de acesso direto ao capítulo referente no BIBLIAONLINE.


14 de novembro de 2014

A busca constante por estabilidade e satisfação nesse mundo será como lançar sementes em um solo árido.

Nenhum ideal correspondido será o suficiente para lhe preencher, nem mesmo os sonhos concretizados transbordará tua alma ao ponto de lhe contentar por inteiro, a vida nunca será boa o bastante quando focamos os nossos olhos nos ideias deste mundo perecível.
Até que um dia a vida poderá lhe ensinar da maneira mais difícil a não buscar o contentamento transitório, a não venerar uma vida fútil e regada por valores e prazeres momentâneos. Um dia pedirão a tua alma. 

Acredite.

Ainda há tempo para encontrar o caminho para vida plena e eterna, ainda há tempo de conhecer um sentido profundo e duradouro pra tua vida, porque aonde estiver o teu tesouro, no mesmo lugar estará a tua alma, no vazio ou na plenitude do céu? A escolha é sua. Jesus Cristo está de braços abertos para lhe receber nos seus átrios de amor, ainda há tempo para optar pelo caminho perfeito.

13 de novembro de 2014

Palavra do dia:

1 Coríntios 13:3-13 NVI

Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso me valerá.

O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

O amor nunca perece; mas as profecias desaparecerão, as línguas cessarão, o conhecimento passará. Pois em parte conhecemos e em parte profetizamos; quando, porém, vier o que é perfeito, o que é imperfeito desaparecerá.

Quando eu era menino, falava como menino, pensava como menino e raciocinava como menino. Quando me tornei homem, deixei para trás as coisas de menino. Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então, veremos face a face. Agora conheço em parte; então, conhecerei plenamente, da mesma forma com que sou plenamente conhecido.  Assim, permanecem agora estes três: a fé, a esperança e o amor. O maior deles, porém, é o amor.

2 de novembro de 2014